UM BELO SONHO OU UM PÉSSIMO PESADELO?



A conversa entre o vereador Luís Romão e a sua amiga no Facebook é muito clara:
Carla Madeira: Luis Romao Quem é o propreitário do novo Spot?
Luis Romão: Pessoalmente
Carla Madeira: Estás a recrutar?
Luis Romão: não percebeste. Pessoalmenet te direi.
Carla Madeira: Ah, ok!
A amiga pergunta de quem é o restaurante e algo que supostamente é público, porque há licenças e escrituras, só pode ser dito pessoalmente, parecendo que o que consta nas escrituras é secreto ou não corresponde à realidade? Uma resposta destas só faz sentido se o ou verdadeiros donos não correspondem aos que constam nos papéis´, não se entendendo como um vereador aparece como se fosse dono, gestor ou empregado de um negócio privado?

Em que qualidade um vereador parece andar a representar o restaurante? O que é que o vereador pode dizer "pessoalmente" que não pode dizer em público, que segredos sobre um negócio privado conhece o vice-presidente a propósito de um negócio privado que pode contar a uma amiga do facebbok, mas deve manter em segredo e longe do conhecimento dos cidadãos que o elegeram.

Que tipo de envolvimento tem Romão neste negócio? Esta conversa estranha exige uma explicação por parte do vice.-presidente da CM de Vila Real de Santo António e se de alguma forma teve qualquer intervenção pública no processo há mesmo matéria para algo mais. 

Ou Luís Romão explica esta conversa ou pede a demissão.